Buscar
  • Izabel Paz

Saiba diferenciar as emoções dos sentimentos

Atualizado: 6 de abr.


Existe uma diferença entre emoção e sentimento e eu quero te ajudar a compreender isso.


Entenda que a emoção é uma automação, são programas mentais de ações coordenadas do cérebro de maneira automatizada com o objetivo de recrutar o seu corpo inteiro para te colocar em ação ou em algum comportamento vantajoso diante de desafios ou riscos. A emoção é visceral é muito importante pois, pode tirar você de situações realmente perigosas em milésimos de segundo.


O sentimento é a percepção de uma emoção sentida, ou seja, quando você sente uma emoção surgindo, você percebe essa emoção e dá um nome para ela, isso é o sentimento. Então imagina que alguém chega até você e comece a te irritar muito, nesse momento você pode começar a sentir a mudança no seu batimento cardíaco, um calor no seu rosto e por aí vai. Isso é a emoção que está subindo e nesse momento você poderá identificar que tipo de emoção essa pessoa está conseguindo fazer você acessar nesse momento. Vamos imaginar que você rapidamente identifica que essa pessoa está te fazendo sentir raiva, então tomando a consciência de ter acessado a raiva você pode decidir o que fazer, se vale a pena reagir e como lidar com isso naquele momento. A nossa mente é basicamente programada para três tipos de ações imediatas: fugir, atacar ou fugir de morto.


Tomar consciência das emoções que estão sendo despertadas em você é maravilhoso porque te permite curar suas feridas emocionais e se tornar cada vez mais forte. Sempre existirão os chatos, os abusivos e sem noção de plantão, então entenda que se eles estão aparecendo com muita frequência na sua vida e te fazendo acessar a raiva por exemplo pode ser um indicativo de necessidade para você se posicionar melhor. As emoções são pistas valiosas sobre o que você precisa desenvolver para se posicionar melhor e com mais assertividade diante da vida.


Então reflita sobre o que tem tirado você do eixo e isso te ajudará a compreender como seu sistema mental está configurado.


Será que você está fingindo de morto no momento que deveria fugir? Será que está fugindo no momento que deveria atacar? Será que está atacando no momento que poderia apenas fingir de morto? Será que está atacando no momento que deveria fugir?


Nunca julgue-se por algo que você já fez, uma atitude adulta é saber que toda ação gera uma reação e que nem sempre é possível analisar tudo à luz de uma "consciência elevada" antes de agir pois, a emoção é visceral, lembra?


Mas também não use isso como justificativa ou desculpa para sair ferindo por aí. Todos nós estamos em processo de evolução. Se o erro foi seu peça perdão e liberte-se disso, se foi do outro perdoe e liberte-se também. Siga em frente sem culpa. Vá se conhecendo, se ajustando e melhorando no caminho.







3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo